Hospital Central em parceira público privada

faro hospital

Foi hoje publicada e saudada pelo deputado à Assembleia da República e presidente da Federação Regional do Partido Socialista, Luís Graça, a Resolução do Conselho de Ministros que determina a «adoção do processo de estudo e preparação do lançamento de uma nova parceria público privada para a construção e equipamento do edifício do novo Hospital Central do Algarve».

Esta resolução tinha sido aprovada em 29 de setembro pelo Primeiro-Ministro, António Costa e determina «dar seguimento ao processo de estudo e preparação do lançamento de uma nova parceria público -privada para a construção e equipamento do edifício do novo Hospital Central do Algarve, nos termos previstos nos artigos 9.º a 14.º do Decreto -Lei n.º 111/2012, de 23 de maio, na sua redação atual, incluindo a constituição de uma equipa de projeto nos termos do artigo 10.º do referido decreto-lei.»

O Presidente do PS Algarve sublinhou o caráter de celeridade imposto pelo chefe do Governo quando determina que sejam adotadas «as soluções e expedientes mais céleres que se encontrem ao dispor, nos termos legalmente previstos, com efeitos a partir da data da sua aprovação».

Luís Graça saúda o especial empenhamento do Primeiro-Ministro Governo na «rápida dinamização e conclusão desta fase preparatória do procedimento, fundamental para satisfazer o compromisso eleitoral do Partido Socialista com os Algarvios».

O dirigente socialista sugere agora a criação de uma comissão de acompanhamento que reúna «personalidades do Algarve ligadas à saúde, ao ensino superior, às autarquias e aos serviços do Estado na região que acompanhe passo a passo todos os procedimentos e escrutine publicamente o calendário de execução do novo hospital».