foz-destaques Guadiana

Reunião sobre a nova Ponte Internacional em Alcoutim

Alcoutim
Início da obra talvez no final do primeiro trimestre de 2025

Os presidentes da câmara municipal de Alcoutim e da CCDR Algarve deslocam-se a Huelva no próximo dia 6 de Outubro para contatos bilaterais sobre a nova Ponte Internacional entre Alcoutim e San Lúcar del Guadiana, Espanha.

Esta deslocação realiza-se a propósito do investimento denominado «Ligações Transfronteiriças – Subinvestimento – Ponte Alcoutim (PT) – Sanlúcar de Guadiana (ES)»,.

Nestes encontros, que se efetuam com marcações às 11:00, 11:30 e 12:30 horas é esperada a presença dos presidente e vice-Presidente da CCDRda Região do Algarve, José Apolinário e José António Pacheco, do presidente da câmara municipal de Alcoutim, Osvaldo Gonçalves para reuniões com Maria Eugenia Limon Bayo, presidente da Diputación de Huelva, Bella Verano Domínguez, delegada da Junta de Andaluzia, em Huelva, e Manuela Parrala Marcos, subdelegada do Governo de Espanha em Huelva.

Na sequência da assinatura no dia 8 de setembro dos contratos de financiamento entre a Estrutura de Missão Recuperar Portugal, a CCDR do Algarve e o Município de Alcoutim da Ponte Internacional entre Alcoutim e Sanlúcar de Guadiana, «estes contactos com as autoridades espanholas são mais um passo para a concretização deste projeto, definindo conjuntamente as bases do caderno de encargos no corredor definido para o mesmo», sublinha a CCDRA».


Financiado em Portugal pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) com nove milhões de euros, este investimento público será concretizado pelo Município de Alcoutim, contando com a intermediação e colaboração técnica da CCDR Algarve, na ligação à Estrutura de Missão Recuperar Portugal e com as autoridades espanholas.

A ponte entre Alcoutim e Sanlúcar de Guadiana pretende reforçar a cooperação entre as regiões do Algarve e da Andaluzia e dar um novo impulso ao trabalho desenvolvido no âmbito da Eurorregião Alentejo – Algarve – Andaluzia (EUROAAA), a qual ocupa 21% da superfície da Península Ibérica.

Este projeto, no entender dos seus promotores, vai ajudar a desenvolver este território e a melhorar a qualidade de vida da sua população ao assegurar a ligação entre as redes rodoviárias portuguesa e espanhola e reduzir cerca de 70 km na ligação entre Alcoutim e Sanlúcar de Guadiana, atualmente separadas por uma curta viagem de barco.

O primeiro marco prevê a conclusão da primeira avaliação das medidas de natureza ambiental no terceiro trimestre de 2022. No primeiro trimestre de 2022, deverá ser lançado o concurso para o projeto de execução, o qual deve estar concluído até ao quarto trimestre de 2023; a empreitada tem de estar contratada até ao terceiro trimestre de 2024 prevendo-se o início da obra, o mais tardar, até final do primeiro trimestre de 2025.

A concretização deste projeto proporcionará, talvez em 2026, uma melhoria às ligações rodoviárias destes territórios, garantindo maior proximidade no território e nos custos de contexto para as empresas e residentes desta área do interior do Algarve e da Andaluzia.

Ao mesmo tempo, impulsiona a dinâmica socioeconómica na zona de fronteira entre Portugal e Espanha, facilita a partilha de serviços e infraestruturas já existentes, concretizando também a Estratégia Comum de Desenvolvimento Transfronteiriço (ECDT) entre Portugal e Espanha.

FOZ - Guadiana Digital

Adicionar comentário

Clique para comentar

Obrigado pelo comentário.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

pub.

Autárquicos

Classificação

Classificação

X